domingo

O que é que acontece quando se mora numa rua principal no centro de Luanda às 7h30 de um Sábado?



Acordamos com a confusão lá fora.

Começa com a mulher do peixe a gritar a plenos pulmões "PÉXÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉÉ". Logo logo a seguir começamos a ouvir o coro da igreja que fica mesmo em frente. Com o avançar de uns minutinhos começam as apitadelas, o que quer dizer que já há trânsito. Mas lá para as 8 horitas... Hummmm.... Aí é que começa a sério. Começam a passar carros, com uma diferença de 10 minutos entre eles aproximadamente (aposto que combinam uns com os outros!!!), com kuduro e kizomba aos altos berros. Tão alto que as minhas janelas vibram ao ritmo da música.

Lá para as 8h30 desisto e levanto-me.

O marido? Esse até ressona ao som do ritmo de Luanda...

4 comentários:

  1. Lol. Ups sorry... É melhor chamar-lhe experiência antropológica ;)

    ResponderEliminar
  2. E eu que gosto de dormir até as 9h30m....
    :/

    ResponderEliminar